O LIVRO “SAÚDE MENTAL UM CAMPO EM CONSTRUÇÃO”, TERÁ COLABORAÇÃO DE MEMBROS DO GRUPO DE PESQUISA EM CULTURA, SUBJETIVIDADE E PROMOÇÃO PSICOSSOCIAL, DO DPGPSI-FPM.

Previsto para o lançamento em setembro de 2019 o livro intitulado “Saúde Mental um Campo em Construção”, contará com a colaboração dos membros do Grupo de Pesquisa em Cultura, Subjetividade e Promoção Psicossocial do Curso de Psicologia da Faculdade Patos de Minas, liderado pelo Prof. Me. Gilmar Antoniassi Junior.

O Grupo de Pesquisa em Cultura, Subjetividade e Promoção Psicossocial  desenvolve estudos que estejam vinculados as linhas de pesquisa do Professor Junior Antoniassi em ‘Políticas e Práticas em Promoção Psicossocial’ e ‘Políticas e Práticas em Promoção da Saúde’.

A contribuição na obra Saúde Mental um Campo em Construção abordará uma parte dos estudos da Pesquisa que investiga “A Relação da Mulher e o Contexto Psicossocial, Familiar e Ambiental em que se esta inserida: Risco, Vulnerabilidade e Danos a Saúde”. O projeto de pesquisa visa estudar os diferentes contextos de vida em que as mulheres estão inseridas, em diferentes níveis sociais (econômico e escolar) acerca dos dilemas enfrentados na vida na exposição do risco e vulnerabilidade social e da saúde. As temáticas abordadas em torno das investigações da sexualidade feminina – prostituição – relações de família – adicção – ambiente sustentável – promoção social. 

O capítulo contribuído na obra é intitulado “Mulheres donas de casa atendidas no ambulatório de saúde mental: uma questão de saúde e bem-estar ante o sofrimento da adicção e o ambiente familiar” tendo como autores Gilmar Antoniassi Junior, Ester Roza Luz Freitas, Flávio Henrique Sousa Santos, Luciana de Araujo Mendes Silva, Glória Lucia Alves Figueiredo. Cuja o objetivo foi de estudar a singularidade do feminino em mulheres donas de casa em relação ao sofrimento da adicção no ambiente familiar. 

O livro Saúde Mental um Campo em Construção será publicado pela Atena Editora em formato e-book.

A Família DPGPSI-FPM parabeniza os autores e sente-se honrada com a representatividade.

 

 

 

Deixe uma resposta